A história do bairro Jardim Europa se iniciou em 1922, era mais uma proposta de "bairro-jardim" e o lugar não poderia ser melhor. Saiba mais neste post.

Só quem já viveu no Jardim Europa…

A história do bairro Jardim Europa se iniciou em 1922, criado pela Companhia City, no rastro do sucesso do lançamento do Jardim América em 1915, o Jardim Europa era mais uma proposta de “bairro-jardim” e o lugar não poderia ser melhor, principalmente depois da retificação do rio Pinheiros.

 Avenida Faria Lima em dois momentos: 1966 e 2020
Avenida Faria Lima em dois momentos: 1966 e 2020.

Apreciou a gastronomia

Quem já morou no Jardim Europa, sem dúvidas, conheceu o Sirva-se, sabe onde ficava a “casa do general”, um dia tomou sorvete na Brunella, devorou uma deliciosa pizza no Aridino, e terminou a noite tomando café da manhã na padaria Pão Kent.

Observou a pelada da garotada

Além disso, também sabe que a garotada jogava bola pelo “time da Paróquia” e o “flamenguinho da Perpétuo Socorro”, nos campinhos onde hoje está localizado o shopping Eldorado.

Passou noite afora

E que foi nos idos dos anos 70, quando a Avenida Faria Lima ainda era a Rua Iguatemi, que o perfil do bairro começou a mudar: o rei da noite carioca, Ricardo Amaral, instalou ali a Rick Store, que servia crepes deliciosos, e lançou o conceito danceteria na cidade, ao abrir no primeiro andar do Call Center o Papagaio Disco Club.

Viu “o shopping” crescer

Até pouco tempo ir ao shopping significava ir ao Iguatemi. E com o passar dos anos ele se transformou no que é hoje: ponto de referência do bairro mais sofisticado de São Paulo.  

Fachada do Iguatemi à época de sua inauguração em 1966 e nos dias de hoje.
Crédito: divulgação do Shopping Iguatemi

Festa no bairro: Em novembro de 1966, abriram-se as portas do primeiro shopping center do país – o Iguatemi. Se a badalação e as lojas bacanas estavam na rua Augusta, a ideia era criar um novo point e alojar em um único espaço a maior variedade de butiques de moda feminina e masculina, serviços e lugares para “comer uma coisinha”. 

No começo, a empreitada foi olhada com reticência pelos lojistas que, aos poucos, foram sendo conquistados e atraíram consumidores por conta de lojas descoladas como a Via Láctea, que abriram no “mini shopping”. 

De lá pra cá, foi um estica pra cá, cresce pra lá, sofistica o mix de lojas, inaugura cinemas de última geração, praças de alimentação, restaurantes chiquérrimos, lojas de grife internacionais, alta joalheria – tudo embalado por muita segurança. 

Oportunidades

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to top
Close Bitnami banner
Bitnami